Judiciário
Operação prende foragidos da Justiça que receberam auxílio emergencial na Paraíba
16/07/2021 15:09
Suetoni Souto Maior
Depoimentos apontam novo caminho para as investigações. Foto: Divulgação

Noventa e seis mandados de prisão de foragidos da Justiça que solicitaram o auxílio emergencial do Governo Federal foram cumpridos, ao longo da semana e até a manhã desta sexta-feira (16/07), na Paraíba. Eles foram alvos da Operação Quadrilátero. A ação conta com a participação de quatro forças que atuam no enfrentamento da criminalidade. São eles o Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco/MPPB), Controladoria Geral da União (CGU) e as polícias Militar e Civil, . 

Os alvos estavam sendo procurados por roubos, tráfico de drogas, homicídios, estupro, furto, violência doméstica, estelionato, organização criminosa, receptação e porte ilegal de arma. Nesta sexta-feira, a operação foi deflagrada desde às 6h e aconteceu nos municípios de João Pessoa, Campina Grande, Cajazeiras, Nova Olinda, Sousa, Santa Rita, Princesa Isabel, Bayeux, Ingá, Gado Bravo e Cuitegi, resultando em 50 prisões.

Além das prisões, foram apreendidas drogas na cidade de Bayeux e em Campina Grande, durante os trabalhos da operação.

Dia D 

A Polícia Militar já contabiliza 96 mandados de prisão cumpridos, esta semana, durante a Operação Quadrilátero na Paraíba, sendo que 50 foram cumpridos nesta sexta-feira, que foi considerado o dia ‘D’ da operação. Os outros 46 mandados foram cumpridos durante a semana. A atuação para prender procurados da Justiça vai continuar.

Quer receber todas as notícias do blog através do WhatsApp? Clique no link abaixo e cadastre-se: https://abre.ai/suetoni

Palavras Chave