Judiciário
Gaeco faz operação com PM e PC para cumprir 63 mandados de prisão no Estado
05/04/2023 08:43
Suetoni Souto Maior
Gaeco apura denúncias de empréstimos feitos em nome de servidores para beneficiar agentes públicos. Foto: Divulgação

As polícias Militar, Civil e Penal, em parceria com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco/MPPB), deflagraram, na manhã desta quarta-feira (5/4), a Operação Semana Santa. É um esforço conjunto para cumprir 63 mandados de prisão em aberto, com foco principal nos crimes violentos e patrimoniais. A maioria dos suspeitos descumpria algum tipo de medida cautelar e voltou a cometer crimes.

A operação, que está em curso em várias cidades do Estado, também objetiva fortalecer a segurança pública e reduzir a criminalidade, reforçando a atuação das forças de segurança no combate ao crime e garantindo a tranquilidade da população.

De acordo com as instituições participantes, o planejamento estratégico da Operação Semana Santa envolve ações integradas e coordenadas entre as diferentes forças de segurança, o que tem permitido maior efetividade na localização e prisão de indivíduos com mandados de prisão em aberto.

Ainda segundo as polícias Militar, Civil e Penal e o Gaeco, a ação reafirma o compromisso desses órgãos na luta contra o crime e na preservação da ordem pública, garantindo a segurança e o bem-estar dos cidadãos em todo o Estado.

Os locais
Os mandados de prisão em aberto são de pessoas residentes em Solânea (2), Jacarau (2), Guarabira (1), Araçagi (1), Casserengue (1), Arara (1), Ingá (1), Baia da Traição (1), João Pessoa (29), Santa Rita (3) e Cabedelo (1), Patos (2), Cajazeiras (1), Campina Grande (8), Monteiro (2), Fagundes (1), Gado Bravo (1), Juazeirinho (1), Serra Branca (1), Areial (1), Montadas (1) e Esperança (1). Entre os crimes cometidos por elas estão tráfico de drogas, roubo, porte de arma, furto, crime sexual, homicídio e violência doméstica.

Os detalhes da operação, como o número de mandados de prisão cumpridos e a quantidade de detidos, serão divulgados posteriormente, em um balanço oficial das forças de segurança envolvidas na ação. As informações serão prestadas pela Assessoria de Imprensa da Polícia Militar.

Quer receber todas as notícias do blog através do WhatsApp? Clique no link abaixo e cadastre-se: https://abre.ai/suetoni

Palavras Chave