Executivo
João Azevêdo diz que carta pró-STF é em favor da democracia e do Brasil
16/08/2021 13:10
Suetoni Souto Maior
João Azevêdo participará de discussão sobre a defesa da democracia. Foto: Divulgação/Secom-PB

O governador João Azevêdo (Cidadania) disse nesta segunda-feira (16) que a carta dos gestores estaduais em prol do Supremo Tribunal Federal (STF) é um ato em favor da democracia e do Brasil. Ele é um dos mandatários de 13 estados e do Distrito Federal que assinaram o documento. “O Estado Democrático de Direito só existe com Judiciário independente, livre para decidir de acordo com a Constituição e com as leis”, diz a carta.

A manifestação ocorre no momento de maior tensão entre o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e os ministros do Supremo. O presidente, inclusive, anunciou que vai pedir ao Senado a abertura de processo de impeachment contra dois ministros (Alexandre de Moraes e Roberto Barroso). O primeiro por causa das investigações contra bolsonaristas por atos antidemocráticos e o segundo devido à postura de Barroso contra o voto impresso enquanto ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

“Os governadores, que assinam ao final, manifestam a sua solidariedade ao Supremo Tribunal  Federal, aos seus ministros e às suas famílias, em face de constantes ameaças e agressões. O Estado Democrático de Direito só existe com Judiciário independente, livre para decidir de  acordo com a Constituição e com as leis”, diz o texto. 

Os governadores dizem ainda que “no âmbito dos nossos Estados, tudo faremos para ajudar a preservar a dignidade e a integridade do Poder Judiciário. Renovamos o chamamento à serenidade e à paz que a nossa Nação tanto necessita”.

Veja a nota na íntegra:

NOTA PÚBLICA DOS GOVERNADORES EM SOLIDARIEDADE AO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL

Os Governadores, que assinam ao final, manifestam a sua solidariedade ao Supremo Tribunal Federal, aos seus ministros e às suas famílias, em face de constantes ameaças e agressões.

O Estado Democrático de Direito só existe com Judiciário independente, livre para decidir de acordo com a Constituição e com as leis.

No âmbito dos nossos Estados, tudo faremos para ajudar a preservar a dignidade e a integridade do Poder Judiciário. Renovamos o chamamento à serenidade e à paz que a nossa Nação tanto necessita.

Brasília, 15 de agosto de 2021.

Assinam esta carta:

RUI COSTA Governador do Estado da Bahia
FLÁVIO DINO Governador do Estado do Maranhão
PAULO CÂMARA Governador do Estado de Pernambuco
JOÃO DORIA Governador do Estado de São Paulo
EDUARDO LEITE Governador do Estado do Rio Grande do Sul
CAMILO SANTANA Governador do Ceará
JOÃO AZEVÊDO Governador do Estado da Paraíba
RENATO CASAGRANDE Governador do Estado do Espírito Santo
WELLINGTON DIAS Governador do Estado do Piauí
FÁTIMA BEZERRA Governadora do Estado do Rio Grande do Norte
RENAN FILHO Governador do Estado de Alagoas
BELIVALDO CHAGAS Governador do Estado de Sergipe
IBANEIS ROCHA Governador do Distrito Federal
WALDEZ GOÉS Governador do Estado do Amapá

Quer receber todas as notícias do blog através do WhatsApp? Clique no link abaixo e cadastre-se: https://abre.ai/suetoni

Palavras Chave