Judiciário
Gaeco e PM realizam megaoperação contra o tráfico de drogas em João Pessoa
06/07/2023 06:12
Suetoni Souto Maior
Operação cumpre mandados em João Pessoa e em Patos, no Sertão. Foto: Divulgação/MPPB

Uma megaoperação foi desencadeada, nas primeiras horas desta quinta-feira (6), em conjunto pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público da Paraíba, e pela Polícia Militar contra suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas. A operação Incoerência busca o cumprimento de 60 mandados de busca e apreensão.

A operação é resultado de investigações que revelaram que o tráfico de drogas e os crimes relacionados estariam sendo praticados por um grupo criminoso a partir da Comunidade Tito Silva, no bairro Miramar, com ramificações na comunidade Laranjeiras e nos bairros José Américo e Funcionários III.

A maioria dos mandados está sendo cumprida na Comunidade Tito Silva. Ao todo, participam quase 250 profissionais, divididos em 49 equipes da PM e GAECO. Os mandados são relacionados a 54 pessoas, em 41 endereços. O grupo conta com um helicóptero da PM, que está sendo usado durante as buscas.

Incoerência

A operação faz referência à forma como o grupo criminoso burlou os objetivos do “Programa João Pessoa Sustentável”, desenvolvido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa, que oferecia aos moradores de áreas de risco duas opções: realocação para moradias oferecidas pela prefeitura ou indenização de R$ 115.000,00.

O grupo percebeu essa situação como uma oportunidade de obter retornos financeiros de forma ilícita e burlar os objetivos do programa, retirando moradores para ocupar as casas e receber as indenizações ou até mesmo alugando os imóveis desapropriados, causando medo entre os moradores que se opõem aos criminosos.

Quer receber todas as notícias do blog através do WhatsApp? Clique no link abaixo e cadastre-se: https://abre.ai/suetoni

Palavras Chave