Executivo
João Azevêdo e mais 13 governadores cobram de Bolsonaro envio de vacinas
05/03/2021 07:34
Suetoni Souto Maior
Reprodução/Twitter

O governador João Azevêdo (Cidadania), junto com outros 13 governadores, enviou carta ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) solicitando pressa no envio de vacinas contra a Covid-19. O pedido ocorreu nesta quinta-feira (4), mesmo dia em que o gestor, durante fala a apoiadores, chamou de “idiotas” as pessoas que cobram vacinas. Ele também mandou quem teme a pandemia parar de “frescura e mimimi”. As declarações foram dadas em São Simão, interior de Goiás.

Na carta, os governadores dizem ser necessário o governo federal viabilizar a obtenção de imunizantes no mercado internacional. “Os Entes federados têm envidado todos os seus esforços, mas estão no limite de suas forças e possibilidades. Nos últimos meses, instalaram milhares de novas vagas em Unidades de Terapia Intensiva, contrataram profissionais de saúde de diversas áreas e viabilizaram a compra de equipamentos”, diz trecho da carta assinada por Azevêdo no mesmo dia em que ele anunciou a instalação de 147 novas UTI’s.

A Paraíba chegou, nesta quinta-feira (5), a 225,6 mil casos confirmados da Covid-19 desde o início da pandemia. Ao todo, 4.612 pessoas já morreram vítimas da doença. Foram confirmadas, na tarde de ontem, 24 novas mortes decorrentes do novo Coronavírus.

Confira a nota dos governadores abaixo:

Palavras Chave